fbpx

Diretor Geral do Colégio Oswald de Andrade, Harlei Florentino, conta porque incluiu mindfulness na  instituição

Durante o ano letivo de 2018, todos os alunos do Fundamental II e do Ensino Médio do Colégio Oswald de Andrade, terão, além de disciplinas como português e matemática,  meditação. Mais de 350 alunos, entre 11 e 18 anos, vão passar pelo Programa MindKids, que ao longo do ano apresenta os fundamentos da meditação mindfulness, com o objetivo de cultivar a atenção, equilíbrio emocional, a empatia e a compaixão.

O Diretor do Oswald, Harlei Alberto Florentino

A experiência dos alunos com a meditação começou em 2017, quando cerca de 200 alunos do Fundamental II e do 3º ano do Ensino Médio passaram pelo programa. “Nós incorporamos o programa da MindKids na escola porque percebemos que o público tem potencial para acolher experiências diferenciadas; porque acreditamos que é muito importante dar ferramentas aos alunos para que possam lidar melhor com o mundo contemporâneo e porque acreditamos que o papel da escola é constituir sujeitos capazes de enfrentar desafios”, afirma Florentino.

Ele explica que o objetivo do colégio não é fornecer uma formação estritamente utilitária, para que os alunos tenham bom desempenho em provas. “Aqui, a perspectiva não é utilitária. A preocupação é com a formação mais ampla do sujeito, para que ele tenha condições emocionais de lidar com as pressões. Nesse contexto, o programa da MindKids contribui para que os alunos se capacitem para enfrentar os desafios da vida”, explica.

Segundo Fiorentino foi a própria pesquisa aplicada pela MindKids, para avaliar o programa ministrado em 2017, que encorajou a escola a expandir e dar continuidade a faixa dos alunos impactados em 2018: 95% dos alunos acreditam que mindfulness os ajudou de alguma maneira. A melhora da qualidade do sono, do foco e concentração foram alguns fatores citados. Mas também aspectos emocionais e afetivos, como ser mais gentil consigo mesmo e com os outros foram mencionados. “A comunidade do Oswald dialoga naturalmente com essa motivação”, finaliza o diretor.